Samy Kamkar, o criador de worms, confessa-se (vídeo)

Hugo Séneca
19/10/2010 16:10

Samy Kamkar veio a Lisboa falar sobre segurança na Net. Pelo meio explicou o que o levou a desenvolver um worm capaz de infetar um milhão de utilizadores do MySpace em apenas 24 horas.

Numa iniciativa promovida pelo Open Web Application Security Project (OWASP), o jovem americano veio a Lisboa dar a conhecer algumas das principais ameaças que pairam sobre as redes sociais durante uma palestra com o título How I Met Your Girlfriend.

Depois de cumprir uma pena aplicada pela justiça dos EUA, Samy Kamkar está decidido a criar uma carreira no "lado certo" da indústria de segurança eletrónica.

Aos adeptos das redes sociais, deixa um alerta: "há gente que consegue assumir o controlo de uma conta num portal social em apenas um minuto".

***Este texto foi escrito ao abrigo do novo acordo ortográfico***

Palavras-chave

ATENÇÃO:ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Uma startup num minuto. A OceanScan zarpou dos laboratórios da Universidade do Porto para criar a única marca de submarinos robotizados portuguesa. No final do ano deverá faturar o primeiro milhão.

A Nvidia lança um tablet Android com ecrã de oito polegadas otimizado para jogos. Há um modo de consola para ligar o tablet à TV e um comando para jogar melhor. 

Já testamos o Sony Xperia Z3, um smartphone topo de gama com os lados arredondados e bastante resistente. 

Uma startup num minuto. Um papel e os sistema de pagamentos do Multibanco – é tudo o que a Last2Ticket precisa para criar um bilhete de concerto ou um voucher de hotel.

Em destaque neste programa: frente a frente, os phablets mais desejados do momento.

Os gigantes Samsung e Apple frente-a-frente num artigo onde também comparamos o iPhone 6 com o Galaxy Alpha e o iPhone 6 Plus com o Galaxy Note 4

Em destaque neste programa: frente a frente, os phablets mais desejados do momento.

1
2
3

Uma startup num minuto. A OceanScan zarpou dos laboratórios da Universidade do Porto para criar a única marca de submarinos robotizados portuguesa. No final do ano deverá faturar o primeiro milhão.

X

Sabia que o seu Internet Explorer está desatualizado?

Para usufruir da melhor experiência de navegação na nossa página web recomendamos que atualize para uma nova versão. Por favor faça a atualização aqui .