exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Carros

Novo Volkswagen Polo tem travagem automática de série

O Volkswagen Polo cresceu, ganhou motores mais eficientes e estreia um painel de instrumentos digital

  • 333

Está mais comprido e mais baixo que a geração anterior, o que só por si significa que o novo Polo tem um aspeto mais desportivo, apesar de as linhas poderem ser consideradas, como é típico da marca alemã, conservadoras. As semelhanças com o Golf, com o qual partilha a plataforma, são notórias. E há uma curiosidade que diz muito sobre a evolução deste modelo: o novo Polo é maior que um Golf de terceira geração. Ou seja, “pequeno” já não é um adjetivo que se adeque muito bem ao Polo, um carro que, considerando a realidade do país, ganha cada vez mais o rótulo de familiar compacto.

Naquilo que mais nos importa, a tecnologia, o “não tão pequeno quanto isso” evolui bastante. A começar pela segurança ativa. O Front Assist, fornecido de série, utiliza uma “câmara” montada no para-brisas para identificar e medir a distância para o veículo da frente. Quando o sistema calcula que há risco de colisão, o condutor começa por receber um alerta visual e sonoro. Se o condutor não reagir, o sistema aplica uma breve travagem para chamar mais a atenção do condutor, acabando por, numa terceira fase, travar completamente o carro. Tudo isto pode acontecer em menos de um segundo para evitar choques frontais. O Front Assist utilizado é, segundo a marca, de última geração, o que significa que é também capaz de identificar peões que surjam em frente da viatura.

O novo Polo estreia ainda um novo design do tablier que, segundo os responsáveis da marca, vai ser adotado em futuros modelos: o ecrã tátil central está montado na mesma linha dos mostradores frontais para transmitir a ideia de continuidade. Ainda mais importante, este é o primeiro Polo onde o cliente pode optar por substituir os mostradores analógicos por um ecrã LCD de 11,7 polegadas (1280x480 píxeis) que tem três modos gráficos selecionáveis pelo utilizador e pode, inclusivamente, mostrar o mapa de navegação. Este opcional tem um custo de 359 euros, mas a SIVA, representante da Volkswagen em Portugal, está a considerar incluir esta funcionalidade de série nas versões melhor equipadas.

O ecrã tátil central de 8 polegadas (há também uma versão de 6,5 polegadas) fica montado com o vidro à face do tablier e tem botões táteis nos lados do ecrã para acesso direto às funcionalidades mais usadas. Há um sensor de proximidade que faz ativar alguns menus contextuais quando se aproxima a mão do ecrã. É ainda possível controlar apps do smartphone através deste ecrã graças ao suporte para os standards MirrorLink, Apple CarPlay e Android Auto. Um dos opcionais é o carregador sem fios para smartphones equipados com esta tecnologia.

O novo Polo já começou a ser comercializado em Portugal

O novo Polo já começou a ser comercializado em Portugal

Nos primeiros meses de comercialização, o novo Polo está disponível com motores a gasolina de 1000 centímetros cúbicos com potência de 75, 95 e 115 cavalos. As versões mais potentes podem ser equipadas com caixa automática DSG de sete escalonamentos. Os preços base variam de €16.284 (75cv Trendline) a €25.318 (115cv Highline DSG).

Entre o final do ano e início de 2018 chegam as versões como motor Diesel 1.6 (80 e 95 cv) e uma versão a gás natural (TGI de 90 cv).