exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Notícias

Xbox descarta hipótese de uma consola apenas para streaming

Foto: T3 Magazine / Getty Images

Líder da divisão de videojogos da Microsoft acaba assim com aquele que era um dos maiores rumores sobre o próximo sistema de jogo da empresa

  • 333

«Não estamos a trabalhar agora numa consola apenas para streaming». É desta forma que Phill Spencer, o líder da Xbox, coloca um ponto final nos rumores que diziam que a próxima consola da marca chegaria em duas versões: uma tradicional, na qual todo o processamento é feito na “caixa” do sistema de jogo; e uma versão mais barata, que teria apenas as tecnologias essenciais para garantir uma boa experiência de jogo através de streaming.

«Estamos a olhar para o telefone no teu bolso como o destino para os jogos em streaming e a consola que temos permite-te jogar os jogos localmente», acrescentou ainda, numa entrevista à publicação GamesSpot.

De acordo com Phill Spencer, vão ser necessários «anos e anos» até que a tecnologia de streaming de videojogos atinja o ponto ideal por forma a poder ficar disponível para o grande público. E até usou um exemplo conhecido para reforçar a teoria.

«Vejamos a Netflix, que tem 20 anos. Penso que às vezes nos esquecemos disto porque a tecnologia move-se tão rápido. Já tem 20 anos, ou seja, foram precisas duas décadas para chegarmos a um ponto em que séries como Game of Thrones ou House of Cards, das maiores séries do mundo, são vistas maioritariamente através de streaming.»

Phil Spencer acredita que a passagem dos videojogos para um modelo de distribuição via cloud é uma «inevitabilidade», mas voltou a reforçar que um «mundo no qual os dispositivos de computação desaparecem e tudo vem da cloud não é o mundo no qual vivemos agora».

A Microsoft tenciona disponibilizar o serviço de streaming de videojogos xCloud ainda em 2019 e lançar uma nova consola, por agora conhecida como Project Scarlett, em 2020.

  • 333