exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Notícias

Call of Duty para smartphones é lançado a 1 de outubro

O primeiro jogo da franquia a chegar ao iOS e Android vai ter um modo Battle Royale

  • 333

Call of Duty: Mobile chega no dia 1 de outubro aos smartphones. O jogo, também conhecido pela sigla CoD, destaca-se por ser gratuito e por integrar num único local vários mapas, personagens e modos de jogo que foram explorados na franquia principal ao longo dos últimos anos.

O título é desenvolvido pelo Timi Studio da empresa chinesa Tencent, mas continua a ter como editora a americana Activision. «Estamos a juntar alguns dos melhores elementos que a franquia tem para oferecer, incluindo mapas de [CoD] Modern Warfare como Crash e Crossfire, mapas de [CoD] Black Ops como Nuketown e Hijacked, e muito mais num título épico», comentou Chris Plummer, vice-presidente da Activision, citado pela publicação Engadget.

Uma das novidades da versão para smartphones é a inclusão de um modo Battle Royale, que vai juntar 100 jogadores num novo mapa. À semelhança do que já acontece noutros jogos do género – como Fortnite –, os jogadores podem aventurar-se a solo, em equipas de dois ou quatro elementos.

No modo Battle Royale os jogadores vão ainda poder optar por jogar com um modo de visualização na primeira ou terceira pessoa e escolher uma de seis classes de personagens.

Já quem preferir um modo multijogador online mais familiar da franquia Call of Duty terá disponíveis as opções Team Deathmatch (confronto entre duas equipas), Search and Destroy (eliminar equipa adversária ou detonar as bombas) e Free-For-All (todos contra todos).

Já havia uma aplicação de Call of Duty disponível para smartphones, mas funcionava apenas como uma ferramenta para consultar estatísticas pessoais, formar equipas e obter conselhos para melhorar a performance.

  • 333