exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Notícias

Motorola Razr: telemóvel com ecrã dobrável chega em janeiro

Pré-venda do smartphone na Europa começa em dezembro e o lançamento acontece em janeiro de 2020

  • 333

A Motorola anunciou oficialmente uma versão com ecrã dobrável do Razr, o telemóvel lançado originalmente em 2004 e que acabou por tornar-se num dos modelos mais bem sucedidos a nível comercial da história. O formato e design do equipamento mantêm-se praticamente inalterados, com o grande destaque a ser o “interior”.

O novo Motorola Razr tem um ecrã OLED, de plástico, de 6,2 polegadas com uma resolução de 2142x876 píxeis. Este ecrã é dobrável e é isso que permite manter o formato “concha” do modelo original. Por ser possível dobrar o telemóvel, quando fechado acaba por ter um tamanho inferior à da maioria dos smartphones atuais.

O dispositivo vem equipado com um segundo ecrã, exterior, justamente para que o utilizador possa ficar a par das notificações sem necessitar de abrir o Motorola Razr. Este painel tem apenas 2,7 polegadas e uma resolução de 800x600 píxeis.

Nas restantes especificações o equipamento acaba por apresentar-se mais como um smartphone de gama média: processador Snapdragon 710, 6 GB de memória RAM, 128 GB de armazenamento, câmara principal de 16 megapíxeis, Android na versão 9 e porta USB-C.

Com um preço de 1.500 euros para o mercado europeu, de acordo com a publicação Cnet, o equipamento vai ficar em pré-venda durante o mês de dezembro e o lançamento oficial acontece no mês seguinte, em janeiro.

O preço acaba por colocar o Motorola Razr numa posição intermédia: se, por um lado, é muito mais barato do que o Samsung Galaxy Fold, que tem um preço de 2.000 euros para o mercado europeu, acaba por ser mais caro do que os principais smartphones topo de gama "não dobráveis" de marcas como a Apple, Samsung e Huawei.

  • 333