Música clássica aumenta longevidade de quem faz transplantes

Hugo Séneca
23/03/2012 11:29
«O concerto da Enya já acabou?»

Mozart e Verdi não são médicos, mas podem ajudar a aumentar a longevidade de quem fez um transplante de coração.

Masateru Uchiyama, investigador da Universidade Hospital Juntendo, em Tóquio, analisou as reações de ratinhos de laboratório a transplantes de coração e chegou à conclusão que a música clássica pode ter efeitos benéficos para a longevidade.

As experiências exigiram o sacrifício de vários ratinhos, que foram sujeitos a transplantes de corações não compatíveis. No período que se seguiu aos transplantes, o investigador japonês expôs as cobaias a diferentes estilos musicais. E foi assim que descobriu que as cobaias que ouviam música clásica sobreviveram mais do dobro do tempo das cobaias que foram expostas à música Pop.

Segundo o investigador, os ratinhos expostos a sessões contínuas de La Traviata de Verdi sobreviveram, em média, 26 dias após a operação. Os ratinhos que escutaram uma seleção de concertos de Mozart sobreviveram em média 20 dias, após transplante.

Em contrapartida, as cobaias que foram sujeitas a música de Enya duraram em média 11 dias; e as que foram sujeitas a sons monocórdicos não foram além de sete dias, informa a NewScientist.

Também foram feitas experiências com ratinhos surdos, mas estas cobaias também morreram ao cabo de sete dias, apesar de escutarem música clássica. O que levou os investigadores japoneses a concluir que não são as vibrações, mas as harmonias usadas na música clássica que têm a capacidade para retardar a rejeição de órgãos transplantados.

Em breve, os investigadores vão testar esta vertente da musicoterapia em pessoas que receberam transplantes.

ATENÇÃO:ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Vídeos

O Sony Vaio Fit Multi Flip tem um mecanismo inovador para fazer a conversão de portátil para tablet e vice-versa

O Dice+ permite interagir com jogos de mesa de uma forma original e divertida.

Este tablet com Windows 8 vem com estilete "a bordo" para facilitar o desenho livre e as notas manuscritas.

Soundbars, ou barras de som, são colunas de som normalmente constituídas por vários altifalantes desenvolvidas para melhorar significativamente o som do televisor sem ocupar muito espaço e sem a complexidade de ligações de outros sistemas.

O sensor full frame de última geração, uma lente muito "luminosa" e um vasto leque de opções manuais tornam esta Sony RX1 a melhor máquina fotográfica do mercado.

A Não perder

Testamos em exclusivo o muito esperado Galaxy S5 e juntamos 25 smartphones Android com preços para todas as carteiras. Para além disso, fomos a duas das mais feiras de tecnologia no mundo e contamos tudo. A não perder os mais recentes ultraportáteis da Toshiba e da Asus e uma gráfica Geforce que dá bons gráficos a baixo preço. 

EI Tv

Programa especial dedicado a câmaras de ação alternativas às famosas GoPro.  

Em destaque neste programa: Samsung Galaxy S5 em análise e a chegada do Ultra HD a Portugal

Em destaque neste programa: a app portuguesa LokLok, que usa o ecrã de bloqueio dos smartphones para comunicar e a análise ao novo Skoda Yeti.

 

As equipas de segurança dos bancos estão atentas. Depois da notícia que a Exame Informática fez no dia 11 de abril sobre a insegurança das ligações, vários sites melhoraram a forma como comunicam com os clientes.

X

Sabia que o seu Internet Explorer está desatualizado?

Para usufruir da melhor experiência de navegação na nossa página web recomendamos que atualize para uma nova versão. Por favor faça a atualização aqui .