exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Ciência

Doente morre em ensaio clínico com canábis

Um doente francês morreu e outros cinco ficaram seriamente doentes num ensaio clínico onde se usou canábis como analgésico.

  • 333
MENAHEM KAHANA/AFP/Getty Images

MENAHEM KAHANA/AFP/Getty Images

MENAHEM KAHANA

De acordo com as notícias de meios de comunicação franceses, o ensaio médico pretendia avaliar a eficiência do Canábis enquanto substituto de outras drogas de combate à dor. Ainda não se sabe qual terá sido a razão que levou ao resultado final: uma pessoa morreu e os restantes cinco voluntários envolvidos no ensaio estão gravemente doentes.

De acordo com o The Guardian, a ministro da saúde francesa indicou que o ensaio pretendia testar os efeitos secundários de uma nova droga e que todos os ensaios que envolvem o fármaco em estudo foram suspensos.

Atualização: De acordo com o jornal Le Monde, ao contrário de informações inicialmente divulgadas, o fármaco em desenvolvimento não contém substâncias derivadas da canábis. O Expresso avança que a Molécula de ensaio fatal em França foi criada em Portugal há mais de 5 anos