exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Ciência

Novo recorde para os carros elétricos: de zero a 100 Km/h em 1,513 segundos

Hugo Séneca

  • 333

Um carro de Formula Student retirou um quarto de segundo ao anterior recorde de aceleração de veículos elétricos. No circuito comercial é impossível encontrar um carro movido a combustível fóssil que garanta a mesma capacidade de aceleração.

Hugo Séneca

Estudantes da Universidade de Lucerna e investigadores do Instituto Federal de Tecnologia de Zurique fixaram um novo recorde na aceleração de um carro elétrico. Em testes realizados em Dubendorf, nas imediações de Zurique, os investigadores suíços conseguiram levar o ponteiro da velocidade de um carro de Formula Student a passar dos zero aos 100 quilómetros por hora (Km/h) em apenas 1,513 segundos. O novo recorde foi obtido num segmento de apenas trinta metros.

O novo recorde retira um quarto de segundo aos valores alcançados pela universidade de Estugarda, que conseguiu ir dos zero aos 100 Km/h em 1,779 segundos em provas realizadas durante o ano passado.

O veículo criado pelos investigadores suíços pesa 168 quilos. Apenas as baterias, os pneus e os dispositivos de controlo do motor não foram fabricadas pela equipa de investigadores suíça. Além da leveza, o veículo distingue-se por usar um sistema de tração às quatro rodas, que terá sido decisivo na obtenção do novo recorde.

O novo recorde também pode ser encarado como uma prova de capacidade face aos veículos movidos a combustíveis fósseis: A BBC dá o exemplo: Porsche 918 Spyder, um híbrido que combina motor elétrico com motor a combustão, é apontado como o carro com aceleração mais rápida que se pode encontrar hoje nos stands. Demora 2,2 segundos para passar do zero aos 100 Km/h.

  • 333