exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Ciência

Jovens de Oeiras ganham concurso de robótica da ESA

Hugo Séneca

  • 333

Estudantes da Escola Secundária Sebastião e Silva ganharam o concurso Odysseus II com o desenvolvimento de um protótipo de robô para a exploração de Marte.

Hugo Séneca

Carlota Fernandes, Diogo Repas e Nelson Rebelo, alunos da Escola Secundária Sebastião e Silva, de Oeiras, ganharam o primeiro lugar do concurso internacional Odysseus II com o desenvolvimento de um robô para a exploração de Marte. Com a vitória no concurso organizado pela Agência Espacial Europeia (ESA), os jovens alunos do 11º ano receberam o título de Embaixadores Espaciais da Juventude Europeia e garantiram uma viagem à Guiana Francesa, com todas as despesas pagas.

Os três jovens portugueses distinguiram-se dos restantes 210 projetos de 23 países com um robô que foi batizado de LEARS (de Learning Robotics in Space), recorda um comunicado da Câmara Municipal de Oeiras. Além do apoio da professora Cristina Pinho, da escola oeirense, os jovens contaram ainda com a ajuda do professor João Sequeira, do Instituto Superior Técnico.

No vídeo de apresentação do projeto LEARS integrado nesta página pode ver como é que Carlota, Diogo e Nelson confirmam que as peças de Lego podem ter grande potencial de prototipagem e conseguiram provar que «não é necessário ter grandes conhecimentos ou ter uma grande capacidade financeira para construir um robô».

  • Jardim do Cabeço das Rolas, Aterros de Carnide e Beirolas, Lispólis, Laboratório Nacional de Engenharia Civil e Quartel dos Sapadores Bombeiros de Chelas. O que têm em comum? Ficam todos em Lisboa – e todos vão passar a albergar os primeiros cinco espaços de experimentação do cluster Lisboa Robotics, que foi apresentado sexta-feira por responsáveis da Câmara Municipal de Lisboa.