exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Ciência

Como é viver em Marte durante um ano? Chato, segundo a equipa da HI-SEAS.

O momento em que a equipa sai do habitat depois de estar um ano inteiro em isolamento.

Universidade do Havai

Estiveram em isolamento durante um ano. A tripulação que fez parte da simulação de uma missão em Marte saiu ontem do habitat artificial criado para imitar as condições no “Planeta Vermelho”. A principal queixa? A monotonia

  • 333

Durante um ano, seis tripulantes estiveram no Havai num habitat criado especialmente para simular o ambiente agressivo de Marte. Os voluntários integraram uma missão da responsabilidade da Universidade do Havai (HI-SEAS, Hawaii Space Exploration Analog and Simulation) com o objetivo de testar os condicionamentos, físicos e psicológicos de viver em Marte.

A equipa não podia sair do habitat, situado na encosta do vulcão Mauna Loa, sem vestir o fato espacial e tinha limitações, muitas, para comunicar com familiares.

A missão durou um ano, no qual os tripulantes da missão tiveram de efetuar a gestão do espaço criado para a simulação e desempenhar uma série de tarefas diárias. À parte de uma avaria numa das casas de banho – que os obrigou a tomar banho de balde – os “astronautas” queixaram-se de tédio. Como se pode ver na entrevista que um dos membros da equipa deu via Periscope

No Twitter oficial da Universidade do Havai também é possível ver um vídeo do habitat e perceber que a organização já está a recrutar voluntários para as próximas duas missões simuladas.

Os cientistas voluntários da missão aconselham os próximos “astronautas” a integrarem as simulações a trazerem livros. Muitos…

  • 333