exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Ciência

Programa Carnegie Mellon Portugal manda quatro projetos para os EUA

Os quatro projetos selecionados pelo programa inRes foram anunciados. All in Surf, Helppier, Smart Insole e Tactile Wireless Evolution (TWEvo) vão passer uma temporada em Pittsburgh e Silicon Valley.

  • 333

O programa Carnegie Mellon Portugal acaba de anunciar as quatro projetos tecnológicos selecionados para participarem no programa inRes. All in Surf, Helppier, Smart Insole e Tactile Wireless Evolution (TWEvo) vão agora dar seguimento ao programa de aceleração de novos negócios que se reparte entre Portugal e os EUA.

No vídeo que se encontra inserido nesta página, pode ver uma reportagem Exame Informática TV sobre o projeto All in Surf.

«Até novembro, além de vários seminários, workshops e sessões hands-on, os participantes terão a oportunidade de participar em conferências e eventos de relevo internacional, o que lhes irá permitir reforçar bastante a sua visibilidade e capacidade de networking», refere o comunicado da Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT), que financia o Programa Carnegie Mellon Portugal. Depois da temporada passada em Pittsburgh, os mentores das quatro startups terão ainda a possibilidade de passar uma semana em Silicon Valley.

João Claro, diretor nacional do Programa CMU Portugal e coordenador do inRes, lembra que o inRes pode revelar-se uma «oportunidade única para poder mergulhar no maior aglomerado de indústrias de tecnologias de ponta do mundo, onde estão algumas das maiores empresas e investidores. Os empreendedores criam uma valiosa rede de contactos e acedem a especialistas e mentores, potenciais utilizadores, clientes ou parceiros que são muitas vezes decisivos na definição de um rumo de sucesso para as startups, produtos e serviços».

A All in Surf pretende desenvolver uma plataforma tecnológica que permite medir o desempenho de um surfista. A Helppier «está a desenvolver um serviço de software online que permite criar ajudas interativas para um site ou aplicação web, num curto período de tempo», refere o comunicado da FCT. A TWEvo tem vindo a desenvolver ferramentas que prometem melhorar a qualidade dos vídeos captados e transmitidos por drones. Na Smart Insole, é a criação de uma palmilha com sensores incorporados que tem o estatuto de prioridade.

  • 333