exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Ciência

Finlândia quer banir o carvão em 2030

O governo finlandês vai revelar a sua nova política para o clima e para a energia. Um dos objetivos passa por deixar de usar carvão até 2030.

  • 333

Exame Informática

O governo não tem poder para decidir banir a utilização de carvão, uma vez que esta decisão teria de passar pelo parlamento finlandês, mas os planos incluem várias medidas de compromisso para atingir os objetivos climáticos internacionais. A nova política vai ser apresentada a 24 de novembro e alguns especialistas, como Peter Lund da Aalto University, acreditam que esta pode resultar, noticia o Spectrum.

Em 2015, apenas 8% da energia gerada para aquecimento e eletricidade na Finlândia veio do carvão. Esta estatística ajuda a colocar o país nórdico no caminho certo para abolir por completo a utilização de carvão.

A Finlândia pretende que apenas 1% da energia seja produzida por carvão para fazer face a qualquer imprevisto ou falha no fornecimento de outros combustíveis. O plano passa depois por apostar na energia nuclear e nos biocombustíveis criados com os recursos que sobram das explorações florestais.

O país está a desativar as instalações onde o carvão é usado apenas para gerar eletricidade e não para calor. As instalações que produzem calor e eletricidade podem, habitualmente, usar outras fontes que não o carvão e é por aí que o governo quer ir. Além desta medida, o país deve baixar as suas necessidades energéticas, investindo na eficiência e flexibilidade.

  • 333