exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Ciência

Já é possível criar sangue artificial de forma massiva

Investigadores britânicos anunciaram uma técnica que permite produzir um volume quase ilimitado de sangue em laboratório. A inovação traz esperança a quem tem tipos de sangue raros.

  • 333

Exame Informática

É um sonho da medicina e dos pacientes: criar artificialmente sangue, de forma massiva, para que nunca falte, em situações de vida ou morte. Agora, investigadores da Universidade de Bristol, no Reino Unido, anunciaram que criaram uma técnica que permite a produção de sangue em massa, noticia a BBC.

Há algum tempo que é possível recriar glóbulos vermelhos em laboratório, mas o problema tem sido sempre o volume: não se consegue produzir em quantidades suficientes. Esta equipa, em conjunto com o NHS Blood and Transplant, experimentou usar células estaminais captadas em fases iniciais de desenvolvimento, para as tornar “imortais” de forma a serem usadas durante mais tempo na produção de sangue.

Jan Frayne, uma das responsáveis pelo projeto, explica que «demonstramos uma forma viável de sustentadamente produzir glóbulos vermelhos para uso clínico». No entanto, este método é bastante mais caro do que as colheitas tradicionais, pelo que a primeira aplicação comercial deve ser destinada aos pacientes que tenham tipos de sangue mais raros.

Os testes clínicos devem começar mais para o final deste ano.