exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Ciência

Tiangong-1: estação especial chinesa despenhou-se no Pacífico

A Estação Espacial Chinesa caiu na região sul do Oceano Pacífico. O Taiti foi a porção de Terra habitada mais próxima do despenhamento

  • 333

Durante semanas seguidas, redes sociais, blogues e jornais foram fazendo previsões: onde haveria de cair a estação espacial chinesa Tiangong-1? A resposta chegou à 1h16 de segunda-feira, em Portugal Continental, a estação espacial acabou por se desintegrar sobre o oceano Pacífico. Ao contrário do que apontavam alguns receios mais alarmistas, não houve vítimas ou danos materiais a assinalar.

O Comando do Componente Espacial da Força Aérea dos EUA revela que a Tiangong-1 desintegrou-se sobre a região sul do Pacífico. A ilha de Taiti terá sido a porção de Terra habitada mais próxima do local em que a estação espacial se desfez por fim, devido ao atrito gerado pela atmosfera, informa a Ars Technica.A Força Aérea dos EUA confirma que a trajetória da estação espacial foi acompanhada com recurso a uma rede de sensores que permitiram apurar com precisão o local do despenhamento. A monitorização contou com os contributos do Reino Unido, Austrália, Canadá, França, Itália, Coreia do Sul, Alemanha e Japão.

Os cálculos estatísticos apontavam para uma percentagem ínfima de o despenhamento da Tiangong-1 poder causar danos humanos e materiais. Porém, mantinha-se uma hipótese em aberto: e se algum avião estivesse a planar pelo local no momento em que a estação espacial se desintegrar na atmosfera? Essa hipótese não se confirmou – assim como não houve qualquer registo de estragos gerados em barcos que se encontravam naquela região do Pacífico. Também não são conhecidos, até à data, vídeos que documentem o explosivo fim da Tiangong-1.

A Tiangong-1 foi lançada para o Espaço em 2011. Tinha a alcunha de Palácio Celestial e estava apta a acomodar duas tripulações nos habitáculos que ocupavam 10,4 metros de comprimento.

Depois de várias tentativas para manter a estação espacial numa altitude entre os 300 e os 400 quilómetros de altitude, a agência espacial chinesa acabou por perder o controlo da estação espacial. O que ditou o final agora conhecido.

  • 333