exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Ciência

Space X: cápsula Crew Dragon regressou à Terra como previsto

O regresso da Crew Dragon ocorreu às 8h45m de Portugal Continental, com um “mergulho" no Atlântico. No domingo, a cápsula tinha feito uma paragem na Estação Espacial Internacional. Em julho, vão voltar a ser enviados astronautas a partir do solo americano

  • 333

E ao cabo de seis dias de missão, a cápsula Crew Dragon, da SpaceX, regressou, em modo autónomo e sem tripulação, à Terra. O regresso ocorreu às 8h45 de Portugal Continental, com um “mergulho” no oceano Atlântico, a cerca de 300 quilómetros de distância da costa do Estado da Florida, informa a Reuters.

Com esta aterragem, a SpaceX logrou completar o primeiro teste no âmbito dos programas da Agência Espacial dos EUA (NASA) que têm por objetivo retomar a capacidade de envio de missões tripuladas a partir de solo americano - e assim libertar-se da atual dependência das agência espacial russa. Desde 2011, com a desativação do vaivém Space Shuttle, que os EUA tinham perdido temporariamente a capacidade de envio de astronautas para o Espaço a partir do seu próprio território.

O mais recente feito da Space X, ainda que efetuado a título de teste, leva a acreditar que essa capacidade vai ser readquirida em breve: em julho, os astronautas Doug Hurley e Bob Behnken deverão seguir em missões espaciais lançadas a partir de território americano.

A cápsula Crew Dragon foi lançada a partir do Centro Espacial Kennedy, na Flórida, no passado sábado. No domingo, a cápsula fez uma paragem na Estação Espacial Internacional para receber uma carga de 400 quilos de equipamentos. Também foi colocado no veículo espacial um boneco similar a um corpo humano, devidamente equipado com sensores nos locais correspondentes à coluna e à cabeça. Depois dos seis dias em órbita em torno da Terra, a Crew Dragon caiu no oceano Atlântico, sendo recuperada pouco depois por uma embarcação que a aguardava no local.

  • 333