exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Ciência

Toyota e JAXA vão construir rover lunar

Painéis fotovoltaicos instalados no rover

JAXA

A fabricante automóvel japonesa junta-se à Agência de Exploração Aeroespacial Japonesa para criar um carro lunar movido a energia solar capaz de andar durante 10 mil km

  • 333

Francisco Garcia

A Toyota está a trabalhar com a Agência de Exploração Aeroespacial Japonesa, mais conhecida pelo acrónimo JAXA, na construção de um rover pressurizado preparado para missões de exploração da Lua.

Com seis rodas, este veículo tem o tamanho de dois autocarros pequenos e será capaz de transportar dois astronautas sem necessitar de condutor durante cerca de 10 mil km, uma vez que vai ter um sistema fotovoltaico que vai funcionar com energia solar.

Haverá ainda um espaço com 13 metros quadrados dentro do veículo onde os astronautas poderão guardar os seus equipamentos, que em caso de emergência pode servir para levar mais duas pessoas.

«Ter a Toyota connosco no projeto de exploração espacial fortalece muito a nossa confiança», disse Hiroshi Yamakawa, presidente da JAXA, num comunicado de imprensa da agência espacial japonesa. «Rovers tripuladas com cabines pressurizadas são um elemento importante na exploração da superfície lunar», continuou.

Embora a tendência seja assistir-se a um número cada vez maior de explorações da Lua, tendo este ano já acontecido várias missões lunares, realizadas por parte de países como a China, Índia, Israel e EUA, a JAXA indica que esta missão poderá vir a acontecer apenas em 2029.

  • 333