exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Ciência

Nasa quer utilizar combustível “verde” nas próximas idas ao Espaço

Aerojet Rocketdyne

A agência espacial americana afirma que o projeto está ao encargo do Air Force Research Laboratory e serão feitos os primeiros testes ainda durante o mês de junho

  • 333

Francisco Garcia

A Nasa anunciou esta segunda-feira que vai testar um novo combustível para foguetões que não é tóxico para humanos e que pode vir a ser usado nas próximas missões à Lua e no Espaço. O primeiro lançamento teste deste sistema de propulsão está agendado para este mês e dá pelo nome de Green Propellant Infusion Mission (GPIM) – a agência espacial indicou que o rocket utilizado será o Falcon Heavy da Space X.

De acordo com a Nasa, esta missão vai ter início nas instalações do Air Force Research Laboratory (ARFL) e pretende testar o potencial deste combustível “verde”, que pode vir a substituir a hidrazina, um composto químico presente nos combustíveis utilizados atualmente nos motores de propulsão (altamente tóxicos e poluentes).

O combustível verde tem ainda a vantagem de ser mais seguro e de ter um rendimento 50% superior, o que significa que aumentará a autonomia dos foguetões – algo que poderá ser útil em missões espaciais de longa duração.

«Temos interesse em utilizar combustíveis “verdes” na indústria espacial» disse Fred Wilson, membro da administração da Aerojet, num comunicado de imprensa, sublinhando que «a tendência será enviar satélites cada vez mais pequenos, para fazer missões mais frequentes» no Espaço.

  • 333