exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Ciência

Agência indiana já localizou sonda lunar

Tanto o orbitador como o módulo Vikram fazem parte da missão Chandrayaan-2, que tem por objetivo estudar o polo sul lunar

  • 333

O módulo lunar Vikram, que ficou incontactável quando se preparava para a primeira alunagem, já foi localizado pelos profissionais da Organização de Investigação Espacial Indiana (ISRO).

Apesar da localização já ter sido apurada, o módulo lunar, que provavelmente se despenhou quando se preparava para a alunagem, mantém-se incontactável: «Vamos conseguir comunicar em breve (com o módulo Vikram)», garantiu Kailasavadivoo Sivan, líder da ISRO, quando questionado pelo Asian News International.

Desconhece-se em que estado se encontra o módulo lunar. E o responsável máximo da ISRO também não adianta detelhes sobre o que sucedeu na passada sexta-feira, quando o módulo lunar ficou incontactável, quando se encontrava a cerca de dois quilómetros de altitude e ainda havia a expectativa de tornar a Índia o quarto país a lograr uma aterragem controlada na Lua.

O Vikram terá sido localizado a partir dos dados recolhidos por um orbitador que participava na mesma missão. De acordo com o The Verge o orbitador terá usado uma câmara térmica para detetar o módulo lunar. As autoridades não fornecem dados sobre a localização do Vikram.

Tanto o orbitador como o módulo Vikram fazem parte da missão Chandrayaan-2 que tem por objetivo estudar o polo sul lunar. A bordo do Vikram seguia um rover que teria por principal objetivo explorar o solo lunar.

O possível despenhamento do módulo lunar não impediu os responsáveis da agência espacial indiana de considerarem que conseguiram levar a cabo 90% a 95% dos objetivos propostos para a missão Chandrayaan-2. A ISRO garante mesmo que todos os sensors e sistemas usados nesta missão têm funcionado como previsto – apesar da incapacidade para estabelecer contacto com o módulo lunar.

  • 333