exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Hardware

Vem aí um telefone da Google… e não é um Nexus!

A Google estará em conversações com os operadores de telecomunicações para lançar um dispositivo próprio que, desta vez, não vai ter a marca Nexus.

  • 333

Exame Informática

A notícia é avançada pelo jornal The Telegraph que ouviu fontes que estarão a acompanhar as negociações que a Google estará a desenvolver com os operadores de telecomunicações.

O novo dispositivo será lançado no final do ano e terão um maior controlo por parte da Google. O Android está em milhões de dispositivos e a Google tem parcerias com alguns fabricantes para o desenvolvimento de terminais segundo especificações partilhadas. Esses dispositivos, que carregam a marca Nexus, já foram fabricados por empresas como a LG. Um processo que é acompanhado de perto pela Google.

Este ano, a acreditar neste rumor, poderemos ver um telefone mesmo com a marca Google e fabricado pela “empresa do motor de pesquisa”.

O objetivo será o de ter um maior controlo sobre o ecossistema. «Estão preocupados com a fragmentação do Android que tem de tornar-se uma plataforma mais controlada», disse Ben Wood, analista da CCS Insight, ouvido pelo The Telegraph.

Um controlo maior pode assemelhar-se ao que já acontece com o iOS e com o iPhone. A estratégia da Apple será um dos objetivos da Google. No entanto, uma das forças da plataforma reside no facto de ter sido abraçada por inúmeros fabricantes. O que é também uma das suas fraquezas – devido à já referida fragmentação.

No início deste ano, a Google contratou Rick Osterloh – ex-presidente da Motorola – para dirigir uma nova divisão de Hardware. Departamento onde podem repousar, por exemplo, os Google Glass, os Chromecast e, claro, os Nexus. E, a existir um telefone com a marca Google, fará todo o sentido que seja desenhado nesta divisão.

Será importante não esquecer que a Google acabou por vender a unidade de dispositivos móveis da Motorola à Lenovo em 2014, com o argumento de que tinha de focar-se no Android.

Teremos de esperar pelo final do verão para saber que desenvolvimentos vão existir neste telefone com a marca Google.

  • 333