exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Hardware

No Iraque, há drones civis adaptados para carregar granadas

Um jornalista revela que há drones comerciais e civis a serem adaptados para deixar cair granadas e servirem de armas em Mosul, no Iraque.

  • 333

Exame Informática

Mitch Utterback é um veterano das Forças Armadas dos EUA e que está no Iraque como jornalista. Este especialista revelou fotografias de drones comerciais adaptados para carregar e deixar cair granadas em Mosul. O drone é um pequeno quadcóptero com um tubo de plástico e pode ser usado para deixar cair explosivos sobre determinados alvos. No entanto, apesar do perigo, o drone age de uma forma algo imprecisa, pelo que nem sempre as granadas atingem o que era suposto, noticia a BBC.

Já em outubro, dois combatentes curdos foram mortos numa explosão provocada por um drone modificado. Com a crescente popularidade dos drones comerciais, é possível comprar um UAV, de unmanned aerial vehicle, com capacidade de voo até meio hora, alcance de muitos quilómetros, por menos de 1000 euros, o que os torna apetecíveis para os grupos de militantes.

O perigo maior é que, devido ao seu tamanho reduzido, os drones são um alvo difícil de abater, embora a maioria opere na frequência dos 2,4 GHz e seja relativamente fácil bloquear os sinais de rádio necessários para o controlo.

  • 333