exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Hardware

GeForce GTX 1180 deverá chegar em julho com mais 40% de desempenho que o 1080

Dois anos depois, a Nvidia prepara-se para lançar uma nova geração de processadores gráficos. O GeForce GTX 1180 será o primeiro da nova família e deverá ter mais de 3500 unidades de processamento CUDA.

  • 333

Ainda não é oficial, mas os rumores dos últimos meses estão a ganhar força. Fontes próximas dos fabricantes de placas gráficas garantiram à Exame Informática que o processador GeForce GTX 1180 deverá chegar ao mercado já em julho em placas gráficas Founders Edition (com design da Nvidia). As características anunciadas são, como seria de esperar, impressionantes: 3580 unidades de processamento CUDA, 224 unidades de processamento de texturas (TMU) e 16 GB de memória VRAM. Segundo as mesmas fontes, a capacidade de processamento poderá atingir uns impressionantes 13 teraflops. Comparativamente, calcula-se que as atuais placas gráficas com GeForce GTX 1080 atingem os 8,7 teraflops. Se as características técnicas se confirmarem, nem mesmo as poderosas Titan Xp serão capazes de bater as novas GeForce topo de gama “standard”. Recorde-se que as Titan Xp são versões especiais, apenas disponíveis por encomenda, com 3840 unidades CUDA e 12 GB de memória RAM.

A Nvidia deverá começar a entregar os novos processadores aos fabricantes de placas em junho e é provável que já em agosto ou setembro surjam os primeiros modelos não Founders Edition, com design próprio dos fabricantes das placas.

Além do GTX 1180, a Nvidia também deverá lançar um GTX 1170. E mesmo este processador deverá ser mais poderoso que o atual GeForce GTX 1080. Ainda não há informações relativamente aos preços, mas é de esperar que as gráficas GeForce GTX 1180 tenham um preço inicial um pouco acima das atuais GeForce GTX 1080, ou seja, um valor algures entre 750 a 1000 euros.