exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Hardware

Apple prepara dispositivo de realidade virtual e aumentada para 2022

Crédito: MediaNews Group/Bay Area News / Getty Images

Executivos da empresa acreditam que os equipamentos de realidade aumentada podem superar a popularidade do iPhone dentro de uma década

  • 333

A Apple estará a preparar dois novos equipamentos: um “capacete” de realidade virtual (VR) e aumentada (AR), focado em jogos, entretenimento e reuniões virtuais, para lançar em 2020; e um dispositivo mais pequeno, semelhante a uns óculos de sol com hastes grossas, que funcionará apenas como dispositivo de realidade aumentada. As datas e as descrições são avançadas pela publicação The Information e pela agência Bloomberg.

O interesse da Apple pelo segmento da realidade aumentada não é novo – a empresa já tem a maior plataforma desta tecnologia com o sistema ARKit –, mas os detalhes agora revelados são. Informações anteriores apontavam para um lançamento do primeiro gadget de realidade aumentada da Apple já em 2020, mas a empresa terá decidido adiar o lançamento por estar a ter dificuldades no desenvolvimento dos equipamentos.

De acordo com as notícias agora publicadas, o “capacete” de realidade aumentada e virtual tem um aspeto semelhante ao dispositivo Oculus Quest, do Facebook. Equipado com sensores de imagem na parte frontal, vai permitir que os utilizadores misturem elementos reais e elementos virtuais. Apesar de o lançamento só estar previsto para 2022, a Apple deverá revelar o equipamento um ano antes, para estimular o desenvolvimento de aplicações específicas para aquele formato.

Já o segundo dispositivo, com lançamento planeado para 2023, está a ser desenhado para poder ser usado durante períodos mais longos. Segundo as informações reveladas, estes óculos podem vir equipados com lentes que escurecem quando o utilizador está a realizar alguma tarefa, o que ajuda as outras pessoas a perceberem quando os óculos estão em funcionamento.

As informações do site The Information, que tiveram origem numa reunião interna que a Apple fez para mais de mil funcionários, foram mais tarde confirmadas pela Bloomberg. A agência de notícias acrescentou ainda que a tecnológica está a preparar um novo sistema de sensores de imagem com reconhecimento 3D, que vão estrear numa nova versão do iPad Pro em 2020 e que vão ser a base para os equipamentos de AR e VR que a empresa está a preparar.

  • 333