Polícia britânica: não tuitem bêbedos ou nus

19/08/2014 11:57

E se um polícia publicar uma foto a comer um donut? E se mandar um tweet movido pelo excesso de álcool? A polícia britânica avisa: cuidado com os tweets e posts.

A Associação de Oficiais de Polícia do Reino Unido (AOP) reviu o código de conduta com o objetivo de evitar situações constrangedoras que têm origem em tweets e posts que os agentes de autoridade publicam nas redes sociais. Apesar de as forças policias britânicas usarem, regularmente, as Facebook e Twitter para lançar alertas e divulgar diferentes assuntos junto da população, o novo código de conduta da AOP aconselha os polícias a não usar as redes sociais quando estão fora dos turnos de trabalho – e muito menos depois de terem bebido álcool.

Nos últimos tempos, a presença nas redes sociais tem vindo a ser trabalhada pelos responsáveis das 43 forças policiais que operam na Inglaterra e no País de Gales. Nalguns casos, os códigos de conduta apenas pretendem garantir que as redes sociais não afetam a operacionalidade e a segurança dos efetivos.

O Daily Telegraph dá o seguinte exemplo: o código de conduta da AOP recorda que uma foto de um polícia a beber álcool pode ser usada para chantagear ou manchar a reputação dessa pessoa; em paralelo, o código de conduta da AOP recomenda a eliminação de dados relacionados com a localização através de redes móveis e dados pessoais que eventualmente possam ser usados para os criminosos procederem a um qualquer tipo de vingança.

Nas recomendações preconizadas pelas várias polícias britânicas, destacam-se ainda os termos que devem ser usados para responder aos diferentes posts da população – mesmo aqueles que são ofensivos.

Mais frontal é o alerta que a polícia da Cidade de Londres faz sobre as consequências nefastas de «fotografias e vídeos de polícias nus, ou em situações de intimidade, ou bêbados nas ruas e cidades que patrulham».

As normas de conduta não surgem por acaso: 821 casos relacionados com falhas de comportamento de polícias britânicos nas redes sociais foram investigados entre janeiro de 2009 e fevereiro de 2014.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Vídeos

Em oito meses houve 133 ataques de laser contra aviões em Portugal

Em Portugal, a triste de moda de apontar lasers aos cockpits dos aviões não parou de crescer desde 2010. Responsável do gabinete de investigação a acidentes aéreos pede nova legislação.

Repórter EI: CarCoDe

Mostramos um sistema de telemetria desenvolvido em Castelo Branco e que mostra ao pormenor como estão todos os componentes de um carro.

Dicas EI: Bluetooth

Saiba o que é e como tirar o melhor partido deste padrão de comunicação entre dispositvos.

I-GotU Pod 30 em análise

Experimentamos um pequeno dispositivo que inclui vários sensores ideias para desportistas e que permitem, por exemplo, controlar o ritmo das corridas.

Exame Informática TV n.º 451

Em destaque neste programa: mostramos como a tecnologia ajuda a Easyjet a ser mais eficiente e conhecemos o CarCode, um sistema que diz tudo sobre os componentes de um automóvel. 

Exame Informática 242, agosto

Não procure mais! Estão aqui 100 das melhores aplicações que pode, e deve, ter no seu smartphone e tablet. Também testámos o televisor mais fino do mundo, revelamos os melhores gadgets para ter consigo no verão e, entre muitas outras coisas, descobrimos como é fácil clonar um passaporte português.

EI Tv

Exame Informática TV n.º 451

Em destaque neste programa: mostramos como a tecnologia ajuda a Easyjet a ser mais eficiente e conhecemos o CarCode, um sistema que diz tudo sobre os componentes de um automóvel. 

Exame Informática TV n.º 450

Em destaque neste programa: voamos o Parrot Bebop e mostramos um sensor ideal para desportistas.

Exame Informática TV n.º 449

Em destaque neste programa: conhecemos um robô que ajuda os mais velhos a manterem-se em forma e mostramos dois relógios inteligentes da Growing.