exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Insólitos

Prostituta presa depois de ser filmada com drone

Um cidadão vigilante usou um quadcóptero para filmar uma prostituta e esses vídeos foram usados para a condenar a um ano de prisão.

  • 333

Brian Bates, conhecido em Oklahoma por ser um vídeo-vigilante, filmou o encontro de uma prostituta e um cliente através de um drone quadcóptero e essas imagens foram usadas para obter a condenação da trabalhadora do sexo. Bates é uma figura popular que captura e publica publica vídeos de prostitutas no site JohnTV.com e no YouTube.

De acordo com o The Verge, Bates explica que os drones tornam o seu trabalho de ativista bastante mais seguro. O vigilante detalha que no vídeo se veem dois carros, um do cliente com a prostituta e outro com o proxeneta.

Este cidadão vigilante explica que não está atrás da prostituição consentida por ambas as partes e praticada dentro de portas, mas sim das redes ilegais que vitimam e forçam mulheres a prostituir-se. Por outro lado, há um grupo de defensores dos direitos das prostitutas que o acusam de «filmar pessoas que ele assume serem vulneráveis, sem o seu conhecimento ou consentimento e, como resultado, há pessoas a serem detidas ou presas, sem mencionar os estigmas e consequências de estas atividades se tornarem públicas».

  • 333