exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Insólitos

Robô Pepper programado para ser “monge budista” e cantar em funerais

A Nissei Eco desenvolveu um software que permite ao robô conduzir cerimónias fúnebres e entoar sutras

  • 333
Paulo Matos

Paulo Matos

Jornalista

Desenvolvido pela SoftBank, o robô humanoide Pepper tinha vindo a ser utilizado como assistente de loja ou como auxiliar para o lar. Agora, a empresa Nissei Eco programou a máquina para ser uma espécie de monge budista capaz de entoar sutras. O Pepper dotado deste software esteve em exposição numa feira de Tóquio cujo nome pode ser traduzido por Exposição Industrial de Final de Vida.

De acordo com a Reuters, esta versão do robô foi criada a pensar na população cada vez mais diminuta e envelhecida do Japão. É que a falta de suporte monetário aos monges budistas por parte da comunidade fez com que eles tivessem de ir atrás de outras oportunidades fora dos templos, o que originou uma falta de pessoas capazes de orientar cerimónias fúnebres. O Pepper pretende ser um substituto para estas situações e serão cobrados 350 dólares nas cerimónias conduzidas pelo robô em oposição aos 2200 dólares quando se recorre a um humano.

A ideia até pode (ou não) ser boa, mas a concretização parece deixar a desejar, como pode comprovar no vídeo abaixo quando ouvir o Pepper a entoar sutras.

  • 333