exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Internet

Google formalmente acusada de manipular resultados das pesquisas

Empresas como a Facebook e a Microsoft queixaram-se às autoridades indianas de abuso de posição dominante por parte da Google e o governo decidiu avançar com uma acusação formal. Se for considerada culpada, a tecnológica arrisca-se a pagar uma pesada multa.

  • 333

Paulo Matos

O governo indiano acusou formalmente a Google de manipular os resultados do motor de pesquisas a favor dos seus próprios produtos. Segundo o Economic Times, as autoridades decidiram avançar com o caso depois de terem recebido queixas de empresas como a Facebook e a Microsoft.

A Flipkart, outra das empresas que se queixou, revelou que a sua posição no ranking de pesquisas só melhora quando decide comprar mais publicidade no motor de busca.

A Google tem agora até ao dia 10 de setembro para dar uma resposta oficial à acusação. Se for considerada culpada, a empresa pode ser condenada a pagar uma multa que pode ir até aos 10% das suas receitas.

Este é mais um dos casos de suspeita de abuso de posição dominante em que a Google se vê envolvida. Enquanto os reguladores norte-americanos têm optado por não avançar com uma queixa formal, a Comissão Europeia optou pelo caminho inverso e está em litígio com a gigante tecnológica há anos.