exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Internet

Sites pornográficos ponderam bloquear acesso a internautas e a culpa é do preservativo

Internautas da Califórnia foram surpreendidos com uma mensagem a apelar ao voto numa proposta legislativa estadual quando tentavam aceder a sites de produtoras pornográficas. Em causa está a obrigatoriedade dos atores terem de usar preservativo.

  • 333
Paulo Matos

Paulo Matos

Jornalista

A Califórnia vai levar a votação no dia 8 de novembro a Proposta 60, que pretende obrigar os atores de filmes pornográficos a usar preservativo em todos os vídeos realizados neste estado. Em caso de incumprimento, qualquer cidadão da Califórnia poderá processar as produtoras e distribuidoras das obras.

Como forma de protesto, sites como a Vivid, Evil Angel e Kink, por exemplo, começaram a apelar aos internautas com um IP da Califórnia que votem Não à proposta, revela o Vocativ. E, no caso, do Sim vencer, avisam que deverão começar a bloquear o acesso aos utilizadores deste estado para se protegerem de eventuais problemas legais.

A proposta 60 tem o apoio de entidades ligadas à área da saúde, mas a indústria de entretenimento para adultos alega que ela irá restringir o poder de escolha dos atores e que a ameaça de ações judiciais levará algumas produtoras a tentar operar fora da alçada da lei, o que irá resultar em condições de trabalho ainda piores para os artistas. Além disso, faria das produtoras e atores um alvo ainda maior para o assédio de perseguidores, trolls e ativistas anti-pornografia, salienta o Engadget.

  • 333