exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Internet

Atelier Digital da Google formou mais de 15 mil portugueses em três meses

A formação online gratuita vai agora ser complementada com formação presencial que percorrerá várias cidades do país. O objetivo é dotar os jovens de competências digitais.

  • 333
Paulo Matos

Paulo Matos

Jornalista

O projeto Atelier Digital é uma iniciativa gratuita da Google lançada em Dezembro do ano passado e que se destina a formar jovens portugueses em competências digitais. O objetivo é, segundo comunicado da empresa, «dotá-los das ferramentas necessárias para aproveitarem as oportunidades da digitalização da economia e a contribuir para fomentar o empreendedorismo em Portugal». Agora a Google revelou que, desde o lançamento (ou seja, pouco mais de três meses), o projeto já formou um total de 15019 portugueses.

Esta semana, a formação online passa a ser complementada com formação presencial que irá percorrer várias cidades portuguesas. Inicia-se em Leiria (Instituto Politécnico de Leiria – 21 a 23 de Março), passa por Aveiro (Universidade de Aveiro – 3 a 5 de Abril) e segue depois para outras cidades.

Esta formação presencial, com a duração de três dias, tem como tema central o Marketing Digital e inclui formação em otimização para motores de pesquisa (SEO), marketing para motores de pesquisa (SEM), marketing nas redes sociais e mobile, análise de Web e internacionalização, conciliando teoria e prática. No final, e após testes com aproveitamento, cada formando recebe um certificado.

Por sua vez, na formação online estão disponíveis 23 módulos que cobrem diferentes áreas do marketing digital, como, por exemplo, pesquisa, e-mail, redes sociais, redes display, vídeo, e-commerce e web analytics, refere a Google. A formação é baseada em tutoriais em vídeo seguidos de atividades e, no final, os formandos terão disponível um teste que lhes permitirá obter uma certificação reconhecida pela IAB Europe.

Refira-se que, de acordo com a Comissão Europeia, vão surgir, nos próximos anos, mais de 820 mil vagas em competências digitais e as empresas com maior probabilidade de sucesso e crescimento serão aquelas que possuírem competências digitais. Porém, os mesmos estudos revelam que 90% das empresas europeias não possuem competências digitais apesar de as considerarem um fator de vantagem competitiva. Em Portugal, os indicadores apontam para a necessidade de aumentar a qualificação dos recursos humanos neste domínio, em contextos de cidadania e de empregabilidade, refere o comunicado da Google.

O Atelier Digital conta com o apoio da Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, do Conselho Coordenador dos Institutos Superiores Politécnicos e da SIC Esperança. Pode saber mais detalhes na página oficial do projeto.