exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Internet

Facebook contrata 3 mil pessoas para monitorizar vídeos emitidos em tempo real

A empresa reforça a equipa responsável pela monitorização de vídeos emitidos em tempo real (Facebook Live). Uma medida para tentar controlar os vídeos que têm sido tornados públicos que retratam violações, suicídios, agressões e assassinatos.

  • 333

Ruben Nascimento Oliveira

Desde que o serviço Facebook Live está disponível que a empresa tem tido problemas em controlar o seu uso indevido para a transmissão de vídeos de teor violento.

Numa tentativa de controlar o problema, o CEO da empresa, Mark Zuckerberg, anunciou que vão ser contratados 3 mil novos colaboradores para se juntar a equipa que já conta com 4,500 pessoas destacadas para monitorizar os avisos relativos a vídeos ao vivo que a Facebook já recebe. Além disto, a empresa promete, também, que vai adicionar ferramentas que tornam este tipo de vídeos mais fáceis de reportar, para que a sua equipa possa atuar mais rapidamente no sentido de desligar a transmissão e contatar as forças policiais de forma mais fácil.

  • 333
  • O ataque WannaCry, que sequestrou dados de milhares de computadores em todo o mundo, veio dar razão aos alertas dos especialistas em segurança que têm vindo a alertar constantemente para o crescimento e perigos deste tipo de ataque. Felizmente, como acontece com a esmagadora maioria do malware, há formas de evitar esta e outras "infeções"