exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Internet

Trump assina decreto para aumentar capacidade da ciberdefesa

Gage Skidmore

A ordem pretende melhorar a capacidade de prevenção e resposta do governo contra ataques informáticos que possam prejudicar os Estados Unidos.

  • 333

Ruben Nascimento Oliveira

O Presidente dos Estados Unidos assinou uma ordem executiva com o objetivo de melhorar a rede de segurança do seu governo, que já tinha sido alvo de ataques informáticos que conseguiram inclusive roubar milhões de dados sensíveis e confidenciais.

A Casa Branca avança que a ordem pretende aumentar a proteção de infraestruturas como a rede energética e o setor financeiro para evitar que ataques sofisticados possam prejudicar a economia do país ou até ser uma ameaça de segurança nacional.

Os responsáveis pelas agências federais têm agora 89 dias para avaliar e gerir o risco cibernético de acordo com a abordagem definida pelo National Institute of Standards and Technology. Após a análise, estas agências devem entregar um relatório no qual estarão descritos os métodos de procedimento para a implementação da medida.

Além disto, a ordem encoraja ainda a cooperação voluntária com o setor privado para que sejam desenvolvidas estratégias capazes de reduzir ataques de botnets ou redes de dispositivos infectados.

O conselheiro da segurança interna Tom Bossert diz que a ordem foi construída sobre esforços prévios da administração de Obama, revela a Reuters.