exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Internet

Facebook vai permitir que os internautas avaliem e bloqueiem anúncios

CHRISTOPHE SIMON / Getty Images

A Facebook pretende retirar das redes sociais anúncios que frustram a expectativas dos consumidores

  • 333

A maior das redes sociais presta-se para introduzir alterações na forma como a publicidade é distribuída: em breve os utilizadores vão poder pronunciar-se sobre a qualidade ou a utilidade dos anúncios que lhes são apresentados pela Facebook. As alterações vão ter como ponto de partida as classificações que os internautas serão instados a atribuir aos diferentes anúncios.

As classificações dadas pelos utilizadores deverão ter a capacidade para reduzir o uso dos anúncios considerados inadequados. Mas também está prevista uma possível interdição total das ações publicitárias mais impopulares. De acordo com o blog oficial da Facebook, os criadores ou gestores das diferentes campanhas de publicidade terão um período para alterar os aspetos mais negativos das campanhas publicitárias, antes de serem punidos com o bloqueio dos anúncios.

«Falámos com as pessoas que compram dos anunciantes do Facebook, e as duas maiores frustrações que registámos estavam relacionadas com o facto de as pessoas não gostarem de anúncios que indicam prazos de entrega incorretos ou apresentam produtos de forma errada. Estamos a tomar passos para tentar e identificar estas e outras frustrações comuns», explica o blogue oficial da Facebook.

  • 333