exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Internet

Extensão do Chrome permite descarregar informação sensível de membros de grupos privados do Facebook

Andrea Downing modera um grupo privado no Facebook e descobriu que uma extensão do Google Chrome permitia-lhe descarregar os nomes, empregos, localizações e endereços de email, entre outros dados, dos mais de nove mil membros.

  • 333

Exame Informática

Andrea Downing descobriu que era possível descarregar os dados pessoais dos utilizadores do grupo que modera no Facebook. Consultado um investigador de segurança que confirmou que a extensão Grouply.io estava mesmo a conseguir aceder e descarregar dados, chegou a altura de levar o assunto ao Facebook. Depois de algumas trocas de mensagens, o Facebook acabou por “desligar” a possibilidade de se conseguir recolher estes dados a partir de grupos privados.

O Facebook confirmou à CNBC que a decisão foi tomada devido a vários fatores e não só por causa deste grupo específico. Por outro lado, a empresa confirmou que, antes de uma alteração recente, era possível ver-se as listas de membros de grupos privados se se fizesse parte deste grupo, mas que a possibilidade de se descarregar esta informação nunca fez parte das funcionalidades oficiais dos grupos privados. Agora, só os nomes dos moderados e administradores dos grupos vão poder ser visíveis a quem esteja fora do grupo.

A Grouply.io é uma app que permite aos marketers recolher informação em massa. Agora, o serviço parece ter sido descontinuado.

  • 333