exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Internet

Facebook Watch disponível em todo o mundo a partir de hoje

Numa fase inicial, o Watch apenas terá vídeos provenientes dos EUA, Reino Unido, Austrália e Nova Zelândia. Em Portugal, já há alguns utilizadores a testar o novo serviço

  • 333

Depois de um ano a operar em exclusivo nos EUA, o Facebook Watch partiu hoje à conquista do mundo, tendo como promessa a distribuição de filmes e séries na maior das redes sociais. O serviço de vídeo que pretende rivalizar com o YouTube já está disponível para alguns utilizadores em Portugal – e só nos próximos tempos deverá poder ser usado por toda a população, apurou a Exame Informática.

De acordo com a BBC, o serviço arrancou apenas com alguns produtores de vídeo selecionados. Numa fase inicial, apenas estarão disponíveis vídeos provenientes dos EUA, Reino Unido, Austrália e Nova Zelândia. Prevê-se que o Watch conte com antigas e novas produtoras de conteúdos que poderão ser visionados na própria corrente de notícias (ou News Feed) do Facebook.

Outra das novidades do novo serviço de distribuição de vídeos da Facebook é a possibilidade de os próprios produtores gerirem a inserção de anúncios e as diferentes relações que poderão ser estabelecidas com os anunciantes. Mas há uma regra que terá de prevalecer no que toca à publicidade: a Facebook deverá receber 45% das receitas captadas com anúncios, ficando os 55% remanescentes para os criadores dos vídeos.

Durante setembro, o novo serviço da Facebook deverá estrear uma série de grande orçamento, com o título Sorry For Your Loss.

A notícia agora avançada pela BBC tem por base uma fuga de informação que acabou por antecipar a divulgação.

  • 333