exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Internet

Já há um filme porno feito num Tesla a circular em Autopilot

PornHub

Protagonizado pela atriz pornográfica Taylor Jackson, o vídeo já é o número um na PornHub

  • 333

Francisco Garcia

E se o vídeo número um do PornHub envolvesse um encontro de Tinder, uma atriz pornográfica e um Tesla em piloto automático? Sim, é verdade, a tecnologia está em grande e a idiotice também. A ideia de incorrer em práticas sexuais num carro, enquanto em andamento, põe em risco a vida do condutor e dos passageiros do veículo e não deve servir de inspiração para futuras experiências.

No vídeo é possível ver a cara do ator, mas a atriz em causa é Taylor Jackson, que neste caso já veio vangloriar-se via Twitter, por ser a primeira a ter participado num filme pornográfico filmado dentro de um Tesla em modo piloto automático.

Com esta situação surgem duas questões: quem deve assumir responsabilidades no caso de algo correr mal? Embora seja inevitável impedir tais práticas, será que a tecnologia de piloto automático já está suficientemente desenvolvida de forma a que as pessoas possam não prestar atenção à estrada?

Recorde-se que a Tesla adverte para os perigos deste modo de condução: «O modo Autopilot tem o objetivo de ajudar condutores totalmente atentos, que têm as mãos no volante, e está preparado para agir no caso de ser necessário (…) no seu modelo mais recente não deve ser utilizado como um sistema de autopilotagem».

Importa lembrar que no ano passado um veículo da Uber matou um peão, enquanto o motorista andava em modo automático e via séries em simultâneo. Outro episódio perigoso recente, foi quando um casal decidiu testar a travagem de emergência de um Tesla em piloto automático – o marido encontrava-se ao volante e a mulher a atravessar a passadeira. Uma experiência perigosa, que felizmente correu bem.

Instagram
  • 333