exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Internet

Facebook: Reconhecimento Facial vai precisar de consentimento dos utilizadores

Chesnot - Getty Images

A partir de agora todos os utilizadores da rede social vão poder ligar/desligar a opção. Vão também receber uma notificação que explica os termos de utilização da ferramenta

  • 333

Francisco JM Garcia

O Facebook anunciou esta quarta-feira que vai permitir que todos os utilizadores acedam à opção que permite acionar ou bloquear a ferramenta de reconhecimento facial. Os recém-chegados à rede social vão ter a opção desligada por predefinição, mas vão receber uma notificação de aviso que pergunta se a querem ligar. Introduzido inicialmente em 2017, o “Reconhecimento Facial” começou por apenas disponibilizado a alguns utilizadores.

De acordo com a publicação TheNextWeb, a ferramenta de “Reconhecimento Facial” pretende substituir a opção de “tag”, por exemplo, quando alguém publica uma fotografia e nos identifica. Ainda assim, Srinivas Narayanan, responsável pelo departamento de Inteligência Artificial da Facebook, confirmou que «os utilizadores vão continuar a poder identificar manualmente os seus amigos, embora a Facebook não vá sugerir que os utilizadores sejam identificados automaticamente caso estes tenham a opção de reconhecimento facial desligada.»

Recorde-se que recentemente a rede social foi autuada pela Federal Trade Comission em 5 mil milhões de dólares por ter cometido várias falhas graves no que concerne à proteção de dados e à privacidade dos utilizadores.

Para se proteger de eventuais penalizações, a Facebook comprometeu-se a enviar uma notificação que direciona todos os utilizadores que utilizam a ferramenta pela primeira vez para os termos de utilização do “Reconhecimento Facial”.

  • 333