exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Internet

Há um botnet a enviar 30 mil emails infetados por hora

Check Point

Estima-se que o email tenha alcançado 27 milhões de potenciais vítimas, embora apenas uma pequena porção tenha sofrido consequências diretas

  • 333

Francisco JM Garcia

Um grupo de investigadores descobriu uma campanha maliciosa que está a usar uma rede de mais de 450 mil computadores para enviar emails que ameaçam revelar fotografias comprometedoras dos utilizadores caso estes não paguem uma quantia de 0,10 Bitcoin, o equivalente a 800 dólares.

O perigo destes emails acentua-se uma vez que contêm também outras informações pessoais dos utilizadores, nomeadamente, palavras-passe. A BBC avança que a ameaça pode ter alcançado 27 milhões de potenciais vitimas até ao momento, calculando que são enviados 30 mil ataques desta natureza via email por hora.

Embora os investigadores revelem que apenas uma pequena fração das pessoas que receberam o email sofreu consequências diretas, esta ação reverteu grandes proveitos para os cibercriminosos que a montaram.

«Um botnet pode ser usado para inúmeros fins», conta Charles Henderson, programador da equipa X-Force Red da IBM, à BBC. «Esta foi apenas uma das finalidades que lhe foi atribuída».

Por definição um botnet consiste numa rede de computadores apoderada por hackers que utilizam software malicioso e o espalham via website ou anexos de emails. Podem levar a cabo ataques propagando-se por uma série de máquinas, tornando-se mais difíceis de combater e de localizar a sua origem.

  • 333