exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Jogos

Star Wars Battlefront 2: Junte-se ao lado negro

Durante a convenção Star Wars Celebration 2017, que teve lugar em Orlando, na Florida, a Electronic Arts e as produtoras DICE e Motive Studios revelaram detalhes sobre o jogo Star Wars Battlefront 2.

  • 333

Ruben Nascimento Oliveira

O próximo jogo da Star Wars já tem data de lançamento prevista para 17 de novembro, exactamente no mesmo dia em que há dois anos foi lançado Star Wars Battlefront. A equipa responsável pelo jogo acredita que este vai ser um êxito, ao contrário da versão de 2015 que desiludiu inúmeros fãs pela falta de conteúdos dentro do jogo.

«Este é o maior e mais ambicioso jogo em que já trabalhei.. Uma recriação perfeita dos momentos clássicos de Star Wars», afirma Bernd Diermer, director criativo na Dice, empresa responsável pelo desenvolvimento do jogo, em declarações ao Polygon.

Ao contrário do seu antecessor, Battlefront 2 vai ter um modo de campanha. Neste, o jogador pode assumir o papel de Iden Versio, um piloto e soldado das forças especiais Inferno Squad que cresceu em sintonia com a visão do Imperador.

«Quisemos contar a história de uma perspectiva imperial ... a ideia de uma elite de soldados do Império que combate a rebelião deu-nos a hipótese de criar um novo herói», salienta Bernd Diermer.

A campanha começa a seguir aos eventos de Regresso de Jedi. A destruição da Estrela da Morte é vista como um acto terrorista por parte do grupo rebelde que ameaça a paz e ordem da galáxia e as forças do Império juram assim destruir os rebeldes para vingar o Imperador. Desta vez, o jogador tem a possibilidade de ver o outro lado do conflito.

«Neste jogo não descrevemos o Império como os maus da fita.. Nunca dizemos que Iden é um vilão», diz Mark Thompson, game director na EA Motive.

Para o modo multiplayer, os produtores prometem também uma experiência um pouco diferente. Segundo Diemer, a DICE fez «uma pequena desconstrução» para perceber o que seria mais emocionante num campo de batalha e com isto chegaram à conclusão que aquilo que mais se destacava era a hipótese de qualquer um ser um herói, até os comuns Stormtroopers, e tentaram reflectir isto no modo online.

Mudou também a forma como personagens heróis ou veículos funcionam, já que os jogadores podem agora aceder a este tipo de personagens ou maquinaria através de um sistema baseado em recursos, os quais se desbloqueiam como se fossem habilidades ao fazer certas tarefas durante a batalha.

Os personagens heróis irão possuir também um sistema de personalização, no qual o jogador poderá desbloquear novas habilidades para personagens como Yoda e Darth Maul, e escolher aquelas que melhor se adequem ao seu estilo de jogo.

As naves no jogo vão ser pertencentes a todas as eras, entre estas estarão a Slave I de Boba Fett e a Millenium Falcon de Han Solo. Segundo os produtores, estas vão ter tanta atenção como as personagens jogáveis. Até as naves mais comuns, como TIE Fighters e as X-wings, vão ter habilidades desbloqueáveis e mods.

De acordo com comunicado de imprensa, o jogo estará disponível a 17 de novembro para PlayStation 4, Xbox One e para PC através de Origin. Os jogadores que adquiram Star Wars Battlefront II: Elite Trooper Deluxe Edition poderão jogar o videojogo a partir de 14 de novembro, e os que tenham EA Access ou Origin Access terão acesso antecipado a partir de 9 de novembro.

A EA revelou ainda o trailer official do jogo que pode ver abaixo.

  • Rick and Morty em VR

    Jogos

    A Adult Swim e a Owlchemy Labs estão a colaborar para lançar no próximo dia 20 um jogo em realidade aumentada dentro do universo de Rick an Morty

  • Nintendo Switch: novos títulos e periféricos

    Jogos

    Numa apresentação Nintendo Direct transmitida ontem à noite, foram anunciadas novidades para a Nintendo Switch: vários títulos novos e algumas adições a nível de hardware. Todos os produtos vão ser lançados até ao final de 2017

  • E os FPS mudaram para sempre…

    Jogos

    Fomos a Madrid conhecer os novos títulos em que a PlayStation aposta para o ecossistema de Realidade Virtual e viemos convencidos que os “jogos de tiros” se tornaram ainda mais atrativos – o grande culpado é o controlador de mira, um novo periférico para a PS4

  • O ataque WannaCry, que sequestrou dados de milhares de computadores em todo o mundo, veio dar razão aos alertas dos especialistas em segurança que têm vindo a alertar constantemente para o crescimento e perigos deste tipo de ataque. Felizmente, como acontece com a esmagadora maioria do malware, há formas de evitar esta e outras "infeções"