exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Jogos

Ninja, o rei do Fortnite, vai trocar o Twitch por uma plataforma rival

Foto: Christian Petersen / Getty Images

Jogador passa a trabalhar em exclusivo na plataforma de streaming de vídeo Mixer, que é detida pela Microsoft

  • 333

Se não está familiarizado com o mundo dos videojogos, fica uma analogia: o anúncio da passagem de Tyler Blevins da plataforma de transmissão Twitch para a Mixer é semelhante à transferência do mais mediático jogador de futebol do mundo diretamente para a equipa rival.

Conhecido no universo do gaming como Ninja, o norte-americano de 28 anos é o mais conhecido jogador de Fortnite do mundo, o videojogo do momento. É também um dos principais rostos da plataforma de streaming Twitch, na qual chegou a ter mais de 280 mil subscritores.

Agora, com um número de subscritores na casa dos 17 mil e com outros jogadores a afirmarem-se na plataforma, a Microsoft, detentora da também plataforma de streaming Mixer, decidiu “roubar” ao Twitch, da Amazon, aquela que ainda é uma das suas maiores estrelas.

No vídeo do anúncio, Tyler Blevins confirma que a partir de agora vai passar a transmitir os seus vídeos de jogabilidade exclusivamente na Mixer. «Sou a mesma pessoa, mas numa plataforma diferente», diz. A primeira transmissão na nova "casa" vai ser feita nesta sexta-feira a partir das 15:30, hora de Portugal Continental.

De acordo com a publicação Polygon, quem subscrever o canal de Ninja no Mixer durante este primeiro mês vai poder fazê-lo de forma gratuita – naquela que é uma clara estratégia de atração de novos utilizadores para a plataforma.

Ninja, que em 2018 faturou 10 milhões de dólares, o equivalente a nove milhões de euros, “apenas” a jogar Fortnite, tornou-se também no primeiro jogador profissional de desportos eletrónicos a ser capa na conceituada revista de desporto ESPN.

  • 333