exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Jogos

Robôs gigantes de Fortnite foram criados para ajudar jogadores mais fracos

Imagem: Epic Games / Fortnite

A empresa responsável por aquele que é um dos jogos mais populares da atualidade revelou o “segredo” para uma das alterações mais polémicas dos últimos tempos

  • 333

Há uma razão para a existência de robôs gigantes na ilha de jogo do Fortnite: aumentar a hipótese de vitória de jogadores menos experientes. A revelação foi feita pela própria Epic, editora responsável pelo jogo, numa publicação na qual endereça as críticas a este novo elemento do jogo.

Com a chegada da temporada 10 do Fortnite no início de agosto, chegaram também os robôs gigantes – conhecidos como BRUTE ou mechs. As críticas dos jogadores não se fizeram tardar, por considerarem que este elemento desvirtuava o lado competitivo do jogo, no sentido em que dava uma grande vantagem àqueles que conseguissem deitar a mão ao fato robótico.

Na explicação que dá aos jogadores, a Epic usa mesmo dados estatísticos para provar que apesar das críticas, os robôs gigantes não tiveram um grande impacto no desenrolar das partidas. «Desde então [início temporada 10], vimos jogadores que antes tinham dificuldades em conseguir eliminações a conseguirem mais, enquanto o número de eliminações dos jogadores mais experientes manteve-se estável», sublinha a empresa.

Quem consegue manobrar o robô durante o jogo faz, em média, sete eliminações por partida. «A missão do Fornite é dar uma experiência divertida a todos os jogadores com diferentes níveis de capacidades e onde todos podem ganhar», acrescentou ainda a Epic.

De acordo com a informação partilhada, a editora de Fortnite está atenta ao feedback constante dos jogadores e alterou, por exemplo, os momentos de aparição dos robôs no modo Arena, para evitar que chegassem à parte final de cada partida, podendo aí ter um maior efeito de desnivelamento competitivo.

Apesar das críticas que têm sido feito aos robôs gigantes, o jogo vai manter, por agora, este novo elemento.

  • 333