Vendas de música digital sobem 8%

Dilpesh Laxmidas
27/03/2012 09:46

O ano passado terá sido o melhor para a indústria da música, desde 2004. Apesar de as vendas de formatos físicos terem diminuído, aumentou o lucro com música digital.

O estudo é da autoria da IFPI (International Federation of the Phonographic Industry) e é mostrado anualmente. O ano passado terá sido o melhor para a indústria desde 2004.

Apesar de se terem vendido o dobro dos discos de vinil dos últimos cinco anos, houve uma quebra nas vendas de formatos físicos (8,7% este ano e 13,8% em 2010). As vendas de música digital aumentaram, todavia, 8%.

As adesões a serviços como o Spotify ou o Rdio aumentaram 65% em 2011, para os 13,4 milhões de consumidores pagantes.

Palavras-chave

ATENÇÃO:ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Em destaque neste programa: análise à TV Samsung HU 8500 e ao sistema operativo da LG WebOS. 

Em destaque neste programa: análise à câmara Olympus Tough TG-850 e ao Samsung Galaxy Note Pro 12,2". Fomos até à Holanda conhecer as novas colunas portáteis da Sony. 

A Sitecom uma proposta para controlo remoto da iluminação, eletrodomésticos e aquecimento através do smartphone, de uma forma segura.

Em destaque neste programa: análise ao Sony Xperia T2 Ultra e reportagem sobre o Vodafone Bright Future.

Um robô doméstico capaz de lavar o chão. Um género de esfregona robotizada

A Não perder

Vá de férias descansado! A sua casa fica em segurança com as nossas dicas tecnológicas. E não vai gastar um cêntimo!

EI Tv

Em destaque neste programa: análise à TV Samsung HU 8500 e ao sistema operativo da LG WebOS. 

Em destaque neste programa: análise à câmara Olympus Tough TG-850 e ao Samsung Galaxy Note Pro 12,2". Fomos até à Holanda conhecer as novas colunas portáteis da Sony. 

Em destaque neste programa: análise ao Sony Xperia T2 Ultra e reportagem sobre o Vodafone Bright Future.

 

Hackers conseguiram explorar uma falha de segurança no website público do Banco Central Europeu e roubaram dados pessoais de utilizadores que se tinham registado em eventos do banco.

X

Sabia que o seu Internet Explorer está desatualizado?

Para usufruir da melhor experiência de navegação na nossa página web recomendamos que atualize para uma nova versão. Por favor faça a atualização aqui .