exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Google quer Android Wear a funcionar no iPhone

A Google quer que o Android Wear esteja preparado para funcionar no smartphone da principal concorrente, mas resta saber se a Apple também partilha essa intenção.

  • 333

Ainda não se conhecem as intenções da Apple, uma vez que ao abrir a plataforma para a Google, o Apple Watch estaria diretamente em concorrência com os vários smartwatches que já existem com Android.

O primeiro objetivo da Google é conseguir fazer com que os relógios com Android possam mostrar notificações e funções básicas no iPhone. Além disso, também pretende mostrar informações do Google Now, ferramentas de pesquisa por voz e outras ações, noticia o The Verge.

A Pebble, por exemplo, já tem um relógio que funciona em ambos os grandes sistemas operativos móveis e consegue também funcionalidades de controlo de música. Até aqui, havia uma solução que passava por um hack para conseguir com que o Android Wear funcione com o iOS.

Como o Apple Watch está a ser considerado o maior lançamento da Apple nos últimos tempos, não se sabe ainda publicamente se a empresa da “maçã” está interessada em abrir a sua plataforma à Google, o que traria mais concorrentes ao seu relógio inteligente.

Ambas as empresas envolvidas recusaram comentar o assunto.