exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Lenovo vai despedir 3200 funcionários

Os empregados das fábricas da marca chinesa não vão ser afetados por esta restruturação que visa uma poupança anual na ordem dos €1,2 mil milhões.

  • 333

Paulo Matos

A Lenovo anunciou que vai despedir cerca de 10% dos seus funcionários “white-collar”, ou seja, os que trabalham nos escritórios e não nas fábricas. Fazendo as contas, isto significa que o fabricante chinês vai cortar 3200 postos de trabalho, numa operação que vai custar 600 milhões de dólares (cerca de 537 milhões de euros) à marca.

As razões para esta decisão prendem-se com uma queda superior a 30% nas vendas dos telemóveis Motorola (adquirida pela Lenovo no ano passado) e pela queda do mercado de PCs, avança a Reuters.

A empresa afirma que esta restruturação vai permitir poupanças anuais de 1,35 mil milhões de dólares (o equivalente a cerca de 1,2 mil milhões de euros).

  • 333