exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Ataque de hackers leva CIA a retirar operacionais da China

A agência de inteligência dos EUA retirou agentes da embaixada em Pequim, com receio de que dados roubados pudessem expor os seus operacionais.

  • 333

Brooks Kraft

O ataque foi perpetrado em abril e não foi reivindicado, mas existem suspeitas de que tenha sido realizado por hackers a soldo do governo chinês. Os piratas conseguiram roubar dados de 21 milhões de empregados federais, incluindo espiões colocados no estrangeiro.

De acordo com o a BBC, a CIA já decidiu retirar os seus operacionais alocados à embaixada dos EUA em Pequim. Embora os dados do pessoal da CIA não estivesse entre a informação que foi desviada, a agência costuma fazer validações de antecedentes antes de contratar funcionários e esses dados foram roubados.

Ao cruzar a lista de antecedentes analisados com a lista mais ou menos pública de quais os funcionários que trabalham na embaixada, seria relativamente fácil identificar quais os agentes da CIA na China.

A CIA não comentou oficialmente o tema.