exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Google pretende desenhar os próprios chips para Android

A empresa quer criar os seus próprios chips para incluí-los nos smartphones Android, mas precisa de arranjar um parceiro para ajudar no processo de fabrico.

  • 333

Paulo Matos

A Google está interessada em começar a desenvolver os seus próprios chips para smartphones Android, seguindo as passadas do que a Apple faz com os iPhones. O objetivo é rentabilizar o potencial do sistema operativo e trazer mais consistência ao ecossistema Android. Um exemplo prende-se com a realidade aumentada e a realidade virtual, que irá obrigar a uma maior integração entre software e hardware.

Contudo, isto significa que a Google terá de convencer um player de referência a ser parceiro no processo de fabrico – recorde-se que, por exemplo, a Samsung é uma das empresas que fabrica o chip que a Apple utiliza nos iPhones. A Qualcomm, que recorre à sua própria tecnologia para produzir alguns dos chips de topo utilizados nos Android, é o nome mais falado, mas ainda está por confirmar se a companhia está interessada em alterar o seu modelo de negócio. Outra possibilidade é, no futuro, a Google obrigar os fabricantes da linha Nexus a recorrer aos chips desenhados pela marca.

A ideia de ter chips Google surgiu na sequência do desejo da tecnológica construir um dispositivo para empresas semelhante ao híbrido Pixel C, o que depois extravasou para o universo dos telemóveis, avança o The Information.

  • 333