exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Yahoo vai passar negócios da Internet para outra empresa

Confirma-se: a Yahoo vai reestruturar o negócio, com a passagem de os seus serviços mais importantes para uma nova empresa. Crescem os rumores sobre uma potencial venda dos serviços de Internet do histórico portal.

  • 333

Estará a Internet preparada para viver sem a Yahoo? O mais histórico dos portais, que ainda ocupa a quinta posição dos endereços mais visitados nos EUA terminou uma ronda de reuniões com executivos e representantes de acionistas com a apresentação de um plano de reorganização de negócios e estruturas empresariais. No final, os responsáveis da Yahoo confirmaram que há obstáculos fiscais que impedem o tão almejado spinoff da unidade de negócios que detém uma participação no site chinês Alibaba e revelaram que vão avançar, mesmo assim, com uma spinoff – só que, em vez dos negócios da Alibaba, a nova empresa deverá passar alojar 35% do negócio da Yahoo Japão e ainda os negócios nucleares que a Yahoo tem na Internet (contas de e-mail, notícias, vídeos, etc.).

Na Reuters e na Cnet, há quem anteveja este primeiro passo como o primeiro do fim de um nome histórico na Internet. Tudo porque a passagem das áreas de negócio para uma nova empresa poderá ter como propósito facilitar uma potencial venda para um operador de telecomunicações ou qualquer outra empresa que esteja disposta a apostar num dos portais históricos da Internet, cujo valor está orçado em 35 mil milhões de dólares.

Marissa Mayer, a CEO do Yahoo, que há três, quatro anos figurava como um dos rostos mais promissores da nova geração de líderes de empresas de tecnologias, poderá ter agora um raio de ação cada vez mais limitado dentro da nova organização empresarial.

  • 333
  • Uma ligação à Internet e uma impressora 3D são suficientes para qualquer um fazer uma arma de fogo. Mas há perigos escondidos e a PSP ajudou-nos a revelá-los. Este mês falámos com a investigadora portuguesa que pode revolucionar o mundo das baterias e destacamos os testes ao Huawei P10 Plus, Nintendo Switch e TVs 4K abaixo dos €1000.