exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

UPTEC: Incubadora da ESA recebe duas startups portuguesas

A Eye2Map e a InanoE são as mais recentes novidades entre as empresas incubadas no UPTEC. Cada uma das startups vai receber um investimento de 50 mil euros.

  • 333

Hugo Séneca

Eye2Map e InanoE. As duas startups têm os olhos postos no firmamento – e acabam de dar entrada na incubadora do Parque Ciência e Tecnologia da Universidade do Porto (UPTEC). As duas jovens empresas garantiram um investimento de 50 mil euros, que deverá ser aplicado no desenvolvimento do negócio durante os dois anos que vão passar na UPTEC, que é atualmente a incubadora da Agência Espacial Europeia (ESA) na região norte do País.

A InanoE começou a ser desenvolvida na Faculdade de Ciências da Universidade do Porto (FCUP) com o propósito explorar uma nova geração de microgeradores que convertem energia mecânica e térmica em eletricidade. Além de microgeradores para missões espaciais, a InanoE pretende desenvolver dispositivos capazes de fornecer energia a telemóveis ou leitores de MP3, tirando partido do movimento e do calor do corpo humano.

A Eye2Map é uma empresa especializada na captação de imagens aéreas através de drones. As imagens aéreas são depois usadas para criar fotogrametrias, que permitem ter em conta a escala, a localização, e orientação dos diferentes elementos captados.

O UPTEC é apenas uma das três incubadoras que operam no País em parceria com a ESA. Além do UPTEC, também o Instituto Pedro Nunes, de Coimbra, e a Agência DNA Cascais estabeleceram parcerias com a ESA.

No vídeo inserido nesta página, pode conhecer um pouco mais da Eye2Map.

  • 333