exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Amit Singhal: o Sr. Motor de Busca diz adeus à Google

O responsável pelo desenvolvimento do mais famoso motor de busca anunciou que vai sair da Google. O cargo vai ser ocupado por um especialista em inteligência artificial.

  • 333

Hugo Séneca

Durante 15 anos, Amit Singhal liderou o negócio mais emblemático da Google. Hoje, soube-se que está de saída da companhia e que o departamento de pesquisas da Google deverá passar a ser liderado por John Giannadrea, que liderou, até à data, o departamento de inteligência artificial.

Amit Singhal, nasceu em Jhansi, na Índia, e mudou-se, em 1991, para os EUA para prosseguir os estudos universitários. Na Universidade de Cornell viria a conhecer Gerard Salton, especialista e pioneiro no tratamento de informação, que desencadeou um novo paradigma das buscas na Internet não só pelos conceitos que formulou, mas também pela influência que terá exercido em Singhal… que, depois de uma passagem pela AT&T Labs, foi contratado para liderar o crescimento e posterior consolidação do maior motor de busca da atualidade.

Da entrada na Google, há ainda uma curiosidade a registar: segundo a Wikipédia, só depois de uma recomendação de um amigo, Amit Singhal aceitou ingressar na companhia – e foi aí que passou a liderar a equipa responsável por fazer evoluir os algoritmos do famoso motor de busca.

Amit Singhal, detentor da distinção de Google Fellow e membro da Academia Nacional de Engenheiros, confirmou a saída da gigante de Mountain View numa mensagem publicada na Google+. O investigador fez saber que pretende passar a dedicar mais tempo à família e às causas filantrópicas. O que torna menos plausível a eventual contratação por uma marca da concorrência.

Além de pôr termo ao “consulado” de um dos homens fortes da Google, a provável nomeação de John Giannadrea poderá ser interpretada como um possível sinal dos tempos… ou apenas uma mera coincidência. Uma coisa é certa: o novo responsável pelas pesquisas da Google é perito em inteligência artificial e seguramente não se fará rogado em usar esses ensinamentos para fazer evoluir o mais famoso dos motores de busca.

  • 333