exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Google voltou a querer ser uma empresa de hardware

A Google está a criar uma divisão de hardware. O líder da nova divisão vem da Lenovo, mas antes trabalhou na Motorola.

  • 333

Hugo Séneca

Rick Osterloh, ex-presidente da Motorola, foi escolhido pela cúpula da Google para criar e liderar uma divisão de hardware dentro do grupo empresarial.

A Google chegou a controlar, temporariamente, os destinos da unidade móvel Motorola, entre a aquisição e a posterior venda à Lenovo. Com a nova divisão, a Google retoma a aposta no hardware, seguindo uma estratégia diferente, que prevê o aproveitamento de iniciativas que já se encontram dentro da empresa. Segundo o Re/code, a nova divisão deverá agregar todos os projetos de desenvolvimento de equipamentos do grupo Google (dos telemóveis e tablets Nexus aos Chromebooks e Chromecasts; do projeto ATAP aos Google Glass).

Osterloh seguiu com a Motorola para a Lenovo – até ao mês passado. O executivo haveria de deixar a Lenovo depois de uma reorganização da companhia, recorda a Ars Technica.

  • 333