exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Final do Euro decide-se nos penáltis e Portugal tem 26% de hipóteses

Uma app desenvolvida pela Qlik reuniu toda a informação de equipas que participaram nos campeonatos europeus de futebol desde 1960. A app está disponível para todos os internautas que pretendam antecipar tendências da Final de Domingo ou que simplesmente queiram saber um pouco mais da história do futebol.

  • 333

Portugal vai precisar de dar um grande pontapé na estatística, se quiser ganhar a final do Euro 2016 contra a França, no domingo à noite. De acordo com as previsões da Qlik European Championships App, a Seleção Nacional tem apenas 26,1% de hipóteses; enquanto a seleção francesa, a anfitriã do torneio que já ganhou o Euro por mais de uma vez em edições do passado, tem, como não poderia deixar de ser, uma probabilidade de 73,9% de alcançar a vitória na partida derradeira.

Apesar do panorama estatisticamente menos animador, nem tudo é negativo para a seleção nacional: é possível que Portugal consiga manietar os gauleses como manietou todos os adversários anteriores… e talvez por isso, a Qlik preveja que “o encontro não irá ter golos no tempo regulamentar de jogo, e a Final decidir-se-á nas grandes penalidades”.

A empresa aponta ainda mais duas tendências: a França é favorita nas penalidades, mas apenas parcialmente e só quando se tem em conta o histórico desde a primeira edição do Euro, em 1960. «Se considerarmos apenas os últimos quatro Campeonatos, Portugal tem mais experiência na decisão por grandes penalidades e maior número de golos marcados (13)», informa um comunicado da Qlik. «Já a experiência da França neste tipo de marcação, desde 2004, tem sido nula, com zero (0) decisões por grandes penalidades», acrescenta a produtora desta aplicação que permite a qu8alquer internauta analisar as diferentes estatísticas das várias edições do Campeonato Europeu de Futebol.

A app criada pela Qlik como prova de capacidade na área do big data reúne informação de todas as edições do Campeonato Europeu de Futebol. Além de comparações entre seleções, a aplicação também permite fazer analisar os desempenhos dos jogadores que foram chamados a participar neste torneio ao longo da história.

O comunicado da Qlik permite apurar ainda os seguintes dados: Portugal perdeu as duas partidas com a França em edições passadas do Euro; ao longo de todas as edições, França já marcou 60 golos e Portugal 48; «no Europeu 2016, Portugal tem sido mais eficaz entre os 50-55 minutos de jogo, com 3 golos; a França conta igualmente com 3 golos entre os 55-60 minutos; Portugal tem a seleção com maior média de idades do torneio; Antoine Griezmann e Dimitri Payet são os melhores marcadores da Seleção Francesa com 4 e 3 golos, respetivamente, e cada um dos dois fez duas assistências para golo; Cristiano Ronaldo e Nani são os goleadores de Portugal com 3 golos cada em 6 jogos.

  • 333