exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Microsoft não tem de ceder emails às autoridades norte-americanas

Um tribunal federal dos EUA decidiu a favor da Microsoft e concluiu que a empresa tecnológica não é obrigada a facultar os emails dos seus clientes e que estejam alojados fora do território norte-americano.

  • 333

É uma vitória para as tecnológicas e para os defensores da privacidade dos utilizadores. As autoridades dos EUA querem que as empresas cedam os emails que têm guardados, mesmo os que estão nos servidores fora do território norte-americano. As tecnológicas consideram que não têm de o fazer e um tribunal federal de Manhattan decidiu a favor das empresas. As comunicações guardadas por fornecedores de serviços americanos e que estejam fora dos EUA estão fora do alcance dos mandatos de busca doméstico, sentenciou a juíza Susan Carney.

Neste caso, as autoridades pretendiam aceder aos emails de um utilizador que está a ser investigado num caso de narcotráfico, mas essas comunicações estão alojadas na Irlanda, portanto inacessíveis à polícia dos EUA, apesar do mandato judicial, explica a Reuters.

Entre os apoiantes da Microsoft neste caso, estavam nomes pesados como Amazon, Cisco, Fox News, Verizon e a Câmara do Comércio dos EUA.

  • 333